Amarga

15:16


Eu estive por um tempo parada na chuva, enquanto que por dentro de mim continha a tempestade. Contive um rio, criei uma represa, quanto mais eu sorria e fingia mais ela rachava. Escolhi uma árvore, subi o mais alto, caí e fui levada pelas águas da represa estragada. 
Enquanto eu gritava e me afogava vi sorrisos e encontrei falsas amizades, então veio você que me segurou e me tirou de lá, mas eu escolhi o bote salva-vidas errado. Eu quis ser outra pessoa, você conheceu outro alguém, por dentro reconstrui a represa, ela rachou e dessa vez não tem como conserta-la.
Meu bote está furado, a corrente d'água está gelada, assisti o seu distanciamento gelado enquanto eu chorava e você riu enquanto eu me afogava.

You Might Also Like

0 comentários

Popular Posts

Like us on Facebook

Flickr Images